Tatuagem.com (tatuagens, tattoo)

O QUE PROCURA?

Formulário de pesquisa

No Blog

Tatuagens de gatos

CLASSIFIQUE O ARTIGO: 
Tatuagem de Gato na barriga

As tatuagens de gatos celebrizaram-se nos anos 20 e 30 quando a popularidade de Mickey Mouse e do Gato Félix estava em alta, no entanto, são portadores de um simbolismo divino que remonta à antiga civilização egípcia. Hoje, as tatuagens de gatos continuam mais populares do que se imagina, principalmente como forma de homenagear estes animais de estimação.

Uma história com 9 vidas… ou mais

Começando pelos Egípcios e passando pelos Romanos e Celtas, a verdade é que nestas civilizações os gatos eram vistos como muito mais do que simples animais de estimação, sendo mesmo venerados. Aliás, na antiga civilização egípcia, a morte de um gato – intencional ou não – era punida com nada mais, nada menos, que a própria pena de morte; e era estritamente proibido exportar estes animais. Os gatos eram mumificados e enterrados em cemitérios próprios para os felinos, tal era a devoção por parte dos egípcios. Ao longo de vários séculos, o gato foi visto simultaneamente como símbolo do sol e da lua, mas também intimamente ligado à mulher, representando a fertilidade e a maternidade. Visto mais tarde como protector dos lares – uma vez que facilmente caçava ratos e outros intrusos – não era raro ver estatuetas de gatos, embelezadas com jóias brilhantes, colocadas às portas das casas. Aquando da guerra com os persas, estes capturaram milhares de gatos e ameaçaram os egípcios que todos seriam mortos a não ser que se rendessem… e a verdade é que o fizeram. Porém, a partir do ano 400 a.C., a adoração dos gatos foi proibida e o seu significado divino foi rapidamente perdido.

Sorte vs. Azar

A introdução dos gatos em lares enquanto animais domésticos foi lenta e controversa – enquanto alguns viam nos gatos um espírito mágico e benfeitor, outros apontavam-nos como perigosos e portadores de azar. Na Idade Média, a Igreja encorajou abertamente a exterminação da espécie e aquando das célebres caças às bruxas, que aconteceram um pouco por todo o mundo, os gatos foram sacrificados juntamente com “as suas bruxas”. A eliminação sucessiva dos felinos teria, porém, consequências mortais: a população de ratos cresceu em proporções epidémicas, tendo sido um dos principais responsáveis pela peste que assolou a Europa durante o século XIV. De repente, os gatos voltaram a ser vistos com bons olhos e mais ainda quando Santa Gertrudes passou a ser a padroeira dos felinos. Hoje estimam-se que existam mais de 600 milhões de gatos em todo o mundo, muitos dos quais são um autêntico membro da família para os seus donos.

Atracção felina

Vistos como animais independentes e solitários, mas brincalhões, amorosos e espertos, os gatos representam ainda uma enorme flexibilidade e capacidade de mudança e de adaptação. Acredita-se que quando um gato surge de forma misteriosa ou inesperada nas nossas vidas, está na altura de mudarmos alguma coisa, de sermos mais flexíveis e tolerantes. Os gatos têm ainda uma aura de magia e secretismo a eles associados, pela forma silenciosa e quase invisível que se movimentam, quer de dia, quer de noite. Outros simbolismos ligados aos felinos incluem:

  • Adoração
  • Astuto
  • Autoridade
  • Beleza
  • Brincalhão
  • Companheirismo
  • Deusa
  • Encarnação
  • Feminilidade
  • Graciosidade 
  • Liberdade
  • Livre espírito
  • Nocturno
  • Observador
  • Poderes ocultos
  • Poderes psíquicos
  • Protecção
  • Realeza
  • Renovação
  • Reservado
  • Secretismo
  • Solitário
  • Sorte
  • Transformação
  • Transição
  • Vitalidade

Miau no corpo

Escolher a imagem de um gato para tatuar no corpo tem muito que se lhe diga: há quem opte por uma espécie particular da família felina (siamês, angorá, birmanês…) ou por gatos que os livros e a televisão tornaram famosos (Garfield, Hello Kitty, Gato de Chesire, O Gato do Chapéu, O Gato das Botas, Silvestre…). Há quem prefira um desenho estilizado ou tribal de um gato ou então um retrato fiel do seu próprio felino de estimação. Uma vez que as tatuagens têm no preto e no cinza as suas principais cores, o que dizer à tatuagem de um gato preto? Sorte ou azar? Depende da perspectiva: os mais supersticiosos acreditam mesmo que cruzar-se com um gato preto traz azar; em Inglaterra ou no Japão, por exemplo, os gatos pretos são considerados um bom presságio. As mulheres são mais adeptas das tatuagens dos gatos, talvez devido à sua conotação feminina e até sensual, mas são uma opção válida também para os homens. É igualmente popular tatuar-se, em vez da forma completa do gato, apenas o seu focinho, olhos ou impressões das patas. As tatuagens de gatos podem ser acompanhadas de outras imagens, caso do sol ou da lua, de nomes, datas, asas de anjos ou auréolas quando se trata de homenagear um animal de estimação.

Comentários

ENVIE A SUA TATUAGEM

Votação
Gosta da técnica da tatuagem branca?

Newsletter