Tatuagem.com (tatuagens, tattoo)

O QUE PROCURA?

Formulário de pesquisa

No Blog

As 10 melhores revistas de tatuagem do mundo

CLASSIFIQUE O ARTIGO: 

As revistas de tatuagens não são baratas, mas valem a pena, por estarem recheadas de imagens poderosas, histórias incríveis e um vislumbre das tatuagens dos famosos. Se é fã de todo o lifestyle que já foi criado em torno das tatuagens, então escolha uma das 10 melhores revistas de tatuagem do mundo, e prepare-se para ficar colado a cada uma das suas páginas.

1. Inked Magazine

Inked Magazine

Uma das revistas de tatuagens mais conhecidas no mundo, a Inked Magazine foi criada em 2004 nos EUA. Inicialmente com publicação trimestral, esta revista cresceu em popularidade de forma bastante rápida, sendo agora publicada todos os meses. A versão brasileira começou a ser publicada em 2010. O seu conteúdo incide bastante no estilo de vida e cultura dos apreciadores de tatuagens. A Inked aposta nas entrevistas e testemunhos de celebridades tatuadas, como Avril Lavigne, Ryan Phillipe, Amber Rose, Kat von D ou Adam Levine, só para mencionar alguns dos famosos que já foram estrelas da capa desta conceituada revista.

2. Urban Ink

Urban Ink

A primeira revista de tatuagem para pessoas de pele negra, começou a ser publicada em 2008 também nos EUA. Cada edição bimensal da Urban Ink oferece as melhores histórias de tatuagem das celebridades do mundo da música, cinema e desporto. Contém fotografias de grandes dimensões e de boa qualidade, exibindo desde as estrelas do hip-hop mais populares às pinups mais sexy. Faz ainda reviews de várias lojas de tatuagens e publica artigos sobre os melhores tatuadores mundiais de estilo urbano. Todo o conteúdo da revista incide sobre as últimas tendências no estilo urbano, portanto, é a revista de tatuagem mais indicada para os apreciadores deste estilo.  

3. Skin Art

Skin Art

Começou a ser publicada em 1992 nos EUA e desde então que a Skin Art procura mostrar os melhores designs e técnicas com qualidade duradoura e as últimas tendências em tatuagens. Tem fotografias generosas e de boa qualidade e os desdobráveis nas folhas centrais ostentam fotos de tamanho XXL. A revista oferece uma grande variedade de estilos artísticos e não tem medo de mostrar alguns estilos mais negros ou perturbadores. Ideal para quem aprecia tudo desde fadas até cadáveres apodrecidos. Para além das imagens, na publicação bimensal desta revista de tatuagem podem encontrar-se entrevistas com diferentes tatuadores, mas também muitas páginas cheias de publicidade… e que convém referir.  

4. Tattoo Magazine

Tattoo Magazine

A revista de tatuagem mais antiga do mundo, a sua primeira edição foi publicada nos EUA no final dos anos 80. Hoje em dia, com uma publicação mensal, é a revista do género mais vendida no planeta. A Tattoo aposta em fotografias da mais elevada qualidade, procurando sempre um excelente equilíbrio entre a quantidade de texto e de imagens publicadas. Conta histórias de colecionadores de tatuagens e de tatuadores, o que dá ao leitor a oportunidade de ficar a conhecer melhor os seus ídolos. Se procura simplesmente uma revista de tatuagem com um visual extremamente apelativo e fotografias de tatuagens muito inspiradoras, esta revista é para si. Fica ainda a dica de que vale a pena fazer a subscrição desta revista, uma vez que o seu preço de venda em quiosques torna-se bastante mais cara. 

5. Tattoo Flash Magazine

No final de 1999 e também nos EUA, surge a Tattoo Flash Magazine. É uma revista bimensal e uma das maiores revistas de arte corporal que existe, uma vez que as suas páginas estão repletas de imagens artísticas. Contém uma grande diversidade de desenhos, com estilos e influências de tatuadores dos quatro cantos do mundo, profissionais e amadores. Os desenhos apresentados são muito diversificados, havendo dos mais tradicionais aos mais excêntricos. Com fotografias de tatuagens de excelente qualidade, sem publicidade e com muito pouco texto, é puro entretenimento e um must-have para quem está à procura de ideias ou apenas gosta de ver boas imagens de tatuagens. 

6. Skin & Ink

Publicada desde 1999 nos EUA, a Skin & Ink tem vindo a crescer em popularidade. Esta revista bimensal inclui reviews de livros e produtos de tatuagem, histórias sobre as novas tendências e ainda explicações sobre as imagens e a iconografia presentes nas tatuagens. Apesar das suas poucas fotografias e uma quantidade muito limitada de publicidade, tem artigos bastante completos, com muita informação sobre a história desta arte corporal. Contém ainda artigos sobre o sentido e o lugar das tatuagens na sociedade de hoje, sendo a revista ideal para quem quer aprender um pouco mais sobre esta cultura. Apesar de haver muito texto nas páginas da Skin & Ink, não se assuste, os artigos estão escritos de uma forma simples e interessante, proporcionando assim uma leitura muito agradável.

7. International Tattoo Art

International Tattoo Art

Publicada nos EUA desde 2008, a International Tattoo Art é uma revista bem mais recente, mas igualmente popular um pouco por todo o mundo. A sua edição mensal cobre todas as convenções de arte corporal em termos internacionais, publicando ainda artigos sobre tatuadores de todas as nacionalidades, dos quatro cantos do mundo. A sua linha editorial incide bastante sobre novos equipamentos de tatuagem mas, em termos de fotografias de tatuagens, é habitual a censura das mais ousadas.

8. Tattoo Savage

Envolta em plástico e embalada como uma revista para adultos, seria de esperar encontrar conteúdo hard-core e fotografias para além do ousado. No entanto, a Tattoo Savage é uma revista bem enquadrada e muito profissional, com características altamente artísticas. Algumas obras de arte podem inclinar-se para o lado bizarro, mas não haverá problema algum se uma criança abrir esta revista de tatuagem. A primeira edição saiu nos EUA em 1994 e tem uma publicação bimensal.

9. Tattoos for Women

Tattoos for Women

Publicada nos EUA desde 1992, esta revista destaca-se por se dedicar exclusivamente à arte de tatuar o corpo feminino. A sua edição trimestral é inovadora e refrescante e foge ao conteúdo de outras revistas de tatuagem. Na revista Tattoos for Women, a maioria das fotografias são submetidas, por isso, embora a sua qualidade pode estar por vezes comprometida, isto é compensado pelo facto de serem apresentadas mulheres reais, com uma vida real. Talvez por isso mesmo é que é considerada uma das revistas de tatuagens com os pés mais assentes na terra – e para que não falte nada às mulheres apaixonadas por tatuagens, contém ainda conselhos sobre temas, zonas do corpo e estilos… tudo no feminino!

10. Tattoo Revue

Tattoo Revue

Esta também já é uma revista de tatuagem com alguns anos, uma vez que a sua primeira edição remonta ao ano 1991, nos EUA, sendo atualmente publicada com periodicidade bimensal. Embora já tenha sido indicada como uma revista que escolhe a imagem de capa baseada na modelo em vez de apostar na qualidade das tatuagens, continua a ser uma publicação bastante popular. Com fotografias coloridas e de grande qualidade no interior, esta revista de tatuagem aposta ainda numa cobertura exaustiva de todos os eventos relacionados com a arte de tatuar, sem esquecer entrevistas com tatuadores em ascensão. É uma publicação de grande entretenimento e de fácil leitura.

 

Imagens: 1,2,3,4,5,6,7,8,9,10
Comentários

ENVIE A SUA TATUAGEM

Votação
Já fez uma tatuagem de henna?
Sim
40%
Não
60%
Votos totais: 1190

Newsletter do Tatuagem.com